Xadrez de Tarcísio, o super-ministro de Bolsonaro, e os negócios do...

Em setembro do ano passado, investigações da PF levantaram escândalos em contratos assinados por Tarcisio quando esteve à frente do DNIT. Embora não formalmente investigado, seu nome foi citado 17 vezes no inquérito.